8.10.14

Resenha do filme: Smiley




Lançamento de: 2012
Dirigido por: Michael J. Gallagher
Duração: 95 minutos
Gênero: Terror
Nacionalidade: EUA
Classificação: ✰✰✰

Olá, pessoas!

Outubro é o mês do Halloween, então para comemorar trago aqui a resenha de um filme de terror, que apesar de vááááárias críticas negativas recebidas, é um filme que eu gostei, apesar de não ficar com medo, nem nada, o que é típico de filme de terror para mim.
Quando conhecem a lenda de um assassino que é invocado pela internet, Ashley e Proxy resolver descobrir se esses rumores são reais e acabam matando uma pessoa. Ashley, como qualquer pessoa normal começa a surtar achando que vai ser a próxima vítima desse assassino desconhecido.

A lenda é a seguinte: se você está na internet, num chat, e alguém digitar para você "I did it for the Lulz" 3 vezes, um cara com o rosto costurado na boca e nos olhos formando um sorriso aparece atrás de você e te mata.

Ashley tem seu primeiro contato com a lenda numa festa da galera do 4chan quando se muda para a faculdade e vê o vídeo de uma pessoa sendo assassinada por esse ser.
O filme usa de várias referências do mundo virtual para fazer analogias com as questões que são abordadas, tornando-o muito interessante de se assistir, por mais que tenham críticas e várias pessoas que não o aprovaram.

No termo "I did it for the Lulz", a palavra Lulz vem da sigla LOL que significa "lot of laugh" ou "laugh out loud" ("rindo muito"), termo que é bastante utilizado na internet, games, chats. A mensagem "I did it for the Lulz" no filme seria algo como "eu fiz isso por diversão"/"fiz isso pelas risadas", ou seja, pessoas matam pessoas na internet por meio de um símbolo apenas para se divertirem.

Até o final da trama ficamos envolvidos em algo que por mais que a resposta seja óbvia, consegue nos prender até o fim: Ashley está louca de verdade ou é realmente possível um assassino aparecer para matar alguém após uma frase ser repetida três vezes?
Smiley se torna real quando pessoas fazem dele real. Eu, particularmente, encarei o Smiley como mais um medo que alguém pode ter e ser real apenas se ela acreditar que pode ser, se ela mesma o fizer existir.


Assistam ao filme e comentem aqui o que acharam. Durante o decorrer da trama, em que você acreditava? Como reagiu ao saber o que realmente era verdade no final?


I did it for the Lulz.
I did it for the Lulz.
I did it for the Lulz.


Espero que tenham gostado e até quarta-feira que vem!
Beijos ♥